Páginas

segunda-feira, 27 de julho de 2009

meu erro


Não sou forte. Estou com medo
Sei que estou, mas não posso te perder
porque foi uma das únicas coisas verdadeiras
porque foi de deixar o coração doer

Como eu faço sem seu sorriso?
Sem seu olhar de: "sua seca, eu te amo"
Sem seus olhos mel esverdeados
Engulo meu orgulho, cara, eu te chamo

Você não se foi ainda, mas por favor
eu te peço que você não se vá
Porque sei lá, não me vejo sem você
E sinceramente, não sei o que será
Numa invensão de termos, é isso aí
É nisso que nos encontramos
Será que você me perdoa? Eu errei
Você errou, nós erramos
Meu erro foi te amar demais
Seu erro? Talvez ter me dado esperança
Meu erro foi ser assim
Seu erro foi me deixar ser tão criança

Vivian Pinto
Pra uma pessoa que eu amo muito, me perdoa G?

Um comentário:

cecilia disse...

Nossa vivi que LINDO!
´seu erro?talvez ter me dado esperança
meu erro foiser assim
seu erro foi me deixar se tão criança´ ser criança é ate que bom sabia?rsrs.Se essa poesia tiver haver com o que você esta passando no momento pode ter certeza que são com os erros que aprendemos e são eles que faz a gente adquirir algo chamado experiência.
bjo