Páginas

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Um certo Vincent

" Agora eu entendo que você tentou dizer pra mim, como você sofreu por sua sanidade, como você tento os libertar... Noite estrelada, flores flamejantes brihando em chamas. Nuvens em caracóis, em um embaçado violeta, refletidas nos olhos 'azuis-da-china' de Vincent. Cores ocilantes, campos amanhecidos de cor de âmbar, faces acabadas alinhadas em dor se ornam adoráveis pelas mãos do artista ... Naquela noite brilhante ... como muitos com frequência o fazem.. eles não ouviriam, eles ainda não ouvem, talvez eles nunca o façam... Mas eu poderia ter te contado Vincent, esse mundo não foi feito para alguém tão bonito quanto você
...


Noite Estrelada. "

http://www.youtube.com/watch?v=nkvLq0TYiwI (quem conseguir, e quiser claro, clica aqui pra ouvir, é muito linda essa música :')




PS: JC, essa é a música que eu te falei, Vang Gogh era o maior, /minha opinião RS fui-me bgs

Um comentário:

anne biah disse...

Adorei o trecho da música. Vou dar um conferida assim que puder.
Beijocas!!