Páginas

terça-feira, 9 de novembro de 2010

sobre a alma do poeta

Só sei que o mundo está mudado
e nada é mais como foi um dia,
mesmo que seja reduntante falar
nada nunca mais será deveria.
Não é possível que os versos deixem seu poeta
mas temo que a poeta possa deixar o mundo da poesia
pelo menos por um tempo.
Temo que poetas possam ser levados
pra um mundo estranho chamado vida real.
Lá eles veêm que o tempo não cura tudo
que ás vezes o que a gente não quer que tenha final
acaba.
Porém vemos que todo final é recomeço
que todo clichê não é clichê por acaso
e que é difícil voltar a sonhar depois de se prender ao chão
mas pular já é um bom começo.
Dá pra entender que ninguém sabia
o quanto é ruim sentir saudade
senão a distância não existiria
e isso é a mais pura verdade,
e que por mais dura que seja a realidade
a poesia toma conta da alma de tal forma
que por anos luz de distância que você esteja
ela te reencontra assim que você peleja,
poeta uma vez, poeta sempre
não importam as circunstâncias.
Vivian Pinto
Sobre os sonhos de quem já não tem mais o que imaginar haha'
Amanhã respondo os comentários galera. Beijão  

4 comentários:

deh ramos disse...

0 poeta, quase sempre, é um sonhador irremediável. Ele nunca se encaixa plenamente na vida real, porque esta fere a sua alma sinsível e vai corroendo os sentimentos bons por dentro. Por sorte, sempre dá tempo de pôr nas palavras (ou seja lá qual for sua forma de expressao) toda a afliçao do ser; Transformar o caos em flor.

Beijo grande, pequena.

Rebeca Amaral disse...

Como a Deh disse, os poetas são sonhadores. Sonhadores apaixonados. Apaixonados pela vida, pelas pessoas, pela natureza, pelas cores. São apaixonados pelo amor. Por isso digo que poetas são seres abençoados. Você é uma poetisa muito talentosa! Lindo texto!

Beijo, flor.

cecilia disse...

"Dá pra entender que ninguém sabia
o quanto é ruim sentir saudade
senão a distância não existiria
e isso é a mais pura verdade" ôh saudade,saudade do que menina?daquilo que jamais se teve.
É vivi preciso dizer que saudade só sentimos do que foi bom?!Enfim,lindo pacas!
É eu fiz o meme,está lá no blog te indiquei,ve se responde.
Beijão

Larissa disse...

Como senti falta disso aqui. Sua descrição em versos, suas palavras com continuidade.
O poeta, apesar de viver em um mundo que não existe, ele está adepto à vida real. É só ele fazer dele um mundo de imaginações. rs

Beijos, flor.