Páginas

terça-feira, 6 de abril de 2010

brincadeira de criança

Chove chuva, mas que pleonasmo...
e ainda agora estava a fazer Sol
disseram-me certa vez
que seria sinal casamento de espanhol.
Na verdade mesmo, lembrei das cores
do arco-íris, mas aí começou a chuva
e lembrei-me do antigo ditado
sobre o casamento de viúva.
Viúva, viuvez, enviuvar...
tudo, mas nada que faça a chuva parar
o barulhinho de cada pingo no chão
o barulhinho que cada batida faz no coração.
Cada pequena batida, por você, que é especial.
De repente bato meus olhos no canto direito:
" Viúva encontra novo amor ", pois é
essa era a manchete do jornal.
;)
Vivian Pinto
ooi gente :D 
É, mais uma vez eu aqui sem postar mó tempão --' mas dessa vez a net não colaborou RSRS
bem, como vocês sabem, aqui no Rio chove muito, então, sei lá, o barulho dos pingos de chuva sempre me inspiram (:
Ah sim, a foto é do quintal (feio) da minha casa HAHA
Beijos :**

6 comentários:

Rebeca Amaral disse...

Adorei os trocadilhos!

Adorei o texto!

Beijão, menina!

cecilia disse...

Poema que lembra brincadeira de criança hehehe
PS:quital feio o seu?é pq não viu o meu rsrsrsrs
Beijo e amei o lay roxo e preto o máximo ^^)

Mandy disse...

Chuva é sempre assim, né. :D Mas logo logo passa, e vc irá conseguir postar direito.
Beijoos
Mandy

Manú disse...

coisas mais lindas que vc escreve, boa sorte ai no Rio, situação ta teensa.
bjs <3

ticoético disse...

Ah,a chuva,ah,os eventos naturais,fazem tanta coisa feia,mas também coisas especiais,que lindo é ler você,enfim,bela.
abraço e o meu obrigado!

Larissa disse...

Que coisa mais linda! Que inspiração a chuva te dá, hein?! rs A chuva só me trouxe lágrimas, mas ainda não as consegui colocar no blog.
Meus parabéns, querida. É bom presenciar teu crescimento.

Beijos.